arrow Voltar
São Paulo concentra 83% dos investimentos de Venture Capital do país

São Paulo concentra 83% dos investimentos de Venture Capital do país

Em estudo recente lançado pelo Distrito Dataminer, as startups do estado de São Paulo receberam mais de R$ 2,8 bilhões em investimentos de Venture Capital, cerca de 83% de todo o volume aplicado em jovens empresas de base tecnológica no país. No total, de acordo com o levantamento, o estado concentra mais de 2677 startups […]

1 de maio de 2020 3 min de leitura
time

Artigo atualizado 1 de maio de 2020

Em estudo recente lançado pelo Distrito Dataminer, as startups do estado de São Paulo receberam mais de R$ 2,8 bilhões em investimentos de Venture Capital, cerca de 83% de todo o volume aplicado em jovens empresas de base tecnológica no país.

No total, de acordo com o levantamento, o estado concentra mais de 2677 startups e 70% delas  estão concentradas na capital. Outro dado interessante, mas que já era esperado, é que o setor de Fintech e Adtech são os com maior número de startups representando, respectivamente, 13,5% e 11,8%. Em seguida, vem o de HealthTech com 8,4%

“Com aproximadamente um terço de todas as startups brasileiras, o Estado de São Paulo, sem dúvida alguma, está à frente no que diz respeito à inovação. Cada vez mais a região tem se consolidado como integradora das startups na América Latina, capaz de atrair talentos e captar cada vez mais investimentos”, afirma Tiago Ávila, líder do Dataminer, braço do Distrito responsável pela inteligência de mercado. “O Estado tem não apenas mais de 80% de todo o investimento em startups, como esse montante foi superior à somatória de portes recebidos por Chile, Colômbia, Argentina e México”, completa.

Número de sócios

Em media, as startups paulistas possuem 2,6 sócios, sendo que a maioria está entre 30 a 35 anos de idade. Quando analisamos os quadro societários percebemos, tal como vimos em outros estudos regionais, que a proporção de mulheres (17,1%) em comparação a de homens (82,9%) entre os sócios ainda é pequena. 

Empregabilidade das startups paulistas

As startups paulistas empregam cerca 100 mil pessoas de acordo com o levantamento. Os setores que mais empregam coincidem com aqueles que lideram no Estado: são as fintechs, com quase 26 mil funcionários, e as adtechs, com mais de 8 mil. Em terceiro lugar, entretanto, estão as reatailtechs, focadas em soluções para o varejo. Estas empregam cerca de 7 mil pessoas. 

A importância de São Paulo para o ecossistema de inovação

Com a maior população e economia entre os estados brasileiros, São Paulo, por si só, poderia ser comparado a nível de país. Sua extensão territorial é maior que a do Reino Unido; sua população mais numerosa do que a da Austrália ou do Canadá; seu poder econômico, medido pelo PIB, mais expressivo que o da Argentina e Arábia Saudita.

São Paulo capital é uma das dez cidades mais populosas do mundo, com mais de 12 milhões de habitantes no município e mais de 20 milhões em sua região metropolitana. A cidade é lar de uma população jovem, uma infinidade de espaços de trabalho colaborativos, programas de aceleração e centros de pesquisas e desenvolvimento, além de universidades que constam em rankings mundiais de excelência.

Essas características fazem da cidade a sede de algumas das startups mais brilhantes do país. Porém, os atributos que permitem tal desenvolvimento não limitam-se somente à capital. Outros municípios do estado se destacam, como Campinas, Ribeirão Preto e São José dos Campos , entre outros locais que vêm contribuindo significativamente com o desenvolvimento do ecossistema e impactando não somente o estado, mas também todo o paí.

Dessa forma, as tecnologias, as inovações, know-how, cultura e talentos que vêm sendo criados e desenvolvidos por esse polo vêm, cada vez mais, impactando positivamente a economia e a vida das pessoas. Com toda essa escala e importância, evidentemente não é trivial acompanhar, entender, e mapear todo o desenvolvimento desse ecossistema e suas vertentes para encontrar oportunidades e obter insights.

No Distrito São Paulo Report, realizamos esse trabalho para você de forma inédita, e, ao ler o estudo, esperamos que você consiga compreender o ecossistema de startups do estado e suas características, obtendo conhecimento valioso e enxergando oportunidades que até então desconhecia.

Posts recomendados

Acesse o blog arrow