arrow Voltar
Hub2Hub: união do Distrito a hubs de inovação para fomentar o ecossistema de startups

Hub2Hub: união do Distrito a hubs de inovação para fomentar o ecossistema de startups

O Distrito, maior plataforma de inovação aberta do país, quer se unir a hubs de inovação para fomentar iniciativas que ajudem no desenvolvimento do ecossistema de startups. Para evoluir o ecossistema, o movimento batizado de Hub2Hub pretende organizar eventos, lives, lançar desafios e cursos para empreendedores e startups.  O movimento é uma aliança estratégica entre […]

7 de abril de 2021 2 min de leitura
time

Artigo atualizado 7 de abril de 2021

O Distrito, maior plataforma de inovação aberta do país, quer se unir a hubs de inovação para fomentar iniciativas que ajudem no desenvolvimento do ecossistema de startups. Para evoluir o ecossistema, o movimento batizado de Hub2Hub pretende organizar eventos, lives, lançar desafios e cursos para empreendedores e startups. 

O movimento é uma aliança estratégica entre hubs de inovação para desenvolver ações de alto impacto com o objetivo de conectar para transformar. A intenção é ligar iniciativas de todo o país em uma única rede para fortalecer projetos menores e fornecer ferramentas para seu desenvolvimento. 

Os três pilares do programa são: posicionamento nacional, ou seja, participar de programas e projetos que atraiam mais investidores e corporações para os ecossistemas; conexão real entre hubs, que pretende unir hubs de inovação de todos os estados para discussões, trocas e criação de iniciativas em parceria e apoio para startups, que significa ajudar a desenvolver os ecossistemas de startups locais e viabilizar o acesso a mais recursos. 

O programa já reúne 10 hubs parceiros, de cinco estados e três regiões brasileiras. São eles o Nexus, Station T., Bioma, Associação Brasileira de Startups de Saúde e Abfintechs, de São Paulo; Hub Salvador, da Bahia; Yolo, do Distrito Federal; Ciklo, do Paraná; e Caldeira, do Rio Grande do Sul. A ideia é ter parceiros de todos os estados do Brasil. 

A iniciativa já conta com 24 corporações parceiras, entre elas HDI Seguros, Danone Nutricia, Bosch, Microsoft, Unimed, Jonhson & Johnson, KPMG, Banco Bari, Omni, Pixeon, Grupo Mafra, Mondelez e Inova HC.  

Desde o início do movimento, o Hub2Hub já promoveu lives com os temas “As principais tendências para 2021”, “Desafios e Impactos de diferentes regiões brasileiras” e “Engajando sua comunidade online”, entre outras. Também promoveu um curso sobre “Gestão de Comunidade”. 

Os próximos eventos já estão com data marcada, dia 6/4 com o Corp Connections, 12/4 com a 3ª Live Hubs de Inovação para discutir o ecossistema do Sul e 14/4 com o encontro dos embaixadores Hub2Hub. Os eventos de comunidade do Hub2Hub são: Série Hubs de Inovação, Talk de Gestão de Comunidades, Corporate Innovation Summit e Community Summit BR.

Sobre o Distrito

O Distrito é uma Plataforma de Inovação Aberta com o propósito de transformar empresas, acelerar startups, potencializar investimentos e impactar positivamente a sociedade.

Nos últimos três anos, a empresa construiu o mais avançado sistema de inteligência e banco de dados sobre o ecossistema de inovação aberta do Brasil. Hoje, são mais de 13 mil startups monitoradas e uma comunidade vibrante de mais de 450 startups, mais de 65 grandes corporações, 11 laboratórios corporativos de inovação e mais de 3 mil profissionais de inovação.

Posts recomendados

Acesse o blog arrow