Ao entrar em um espaço de inovação e/ou coworking, logo de cara, você notará que não se trata de um simples local de trabalho convencional. Você perceberá uma atmosfera que inspira criatividade, experimentação, produtividade e pensamento inovador.

Os espaços de coworking são, essencialmente, espaços de trabalho compartilhados. A maioria é caracterizado pela comunidade, oferecendo um ambiente acessível e diferenciado para aqueles que buscam fugir do isolamento e um networking valioso.

Os coworkings oferecem um conjunto de comodidades semelhantes a escritórios, como mesas de trabalho, salas de reunião privativas, cozinhas, café e muito mais. Muitos vão além, e são um grande centro de inovação.

Os frequentadores podem ser freelancers, empreendedores e pequenas equipes que querem aproveitar um espaço flexível. Mas, as startups são as que mais apreciam esses espaços.

Eles oferecem a chance das equipes interagirem com outras pessoas e empresas ali mesmo. Também podem ajudar os empreendedores a encontrar um cofundador e, até mesmo, investidores.

As principais vantagens de um coworking

Segundo o estudo Censo Coworking Brasil 2018, cerca de 214 mil pessoas frequentam mensalmente esses espaços espalhados pelo país. Destes, 43% são donos de empresa e 31% profissionais independentes. O restante são funcionários de uma empresa.

Praticamente um em cada três coworkers já foi contratado ou contratou alguém que conheceu no espaço para participar de um projeto em conjunto e a imensa maioria garante já ter aprendido um novo conhecimento desde que começou a frequentar o espaço.

Os profissionais que participaram do estudo também foram questionados sobre como certos aspectos de sua vida mudaram desde que passaram a trabalhar nesses ambientes.

Mais de 60% apontaram melhora na saúde, vida social, networking profissional, organização e produtividade no trabalho como os principais benefícios de se trabalhar num coworking.

Há também todas as vantagens relacionadas à infraestrutura fornecida. Startups de todos os tamanhos podem escolher espaços para atender às suas necessidades e escalar suas equipes com flexibilidade e economia de custos.

Comparado com um escritório tradicional, os membros de um espaço de coworking economizam de 20 a 40% de suas despesas. Escritórios tradicionais, alugados, por exemplo, podem dar um trabalho extra na estruturação e manutenção do local.

Os empreendedores, muitas vezes, precisarão adquirir uma série de equipamentos, mobília e, ainda, uma locação exige contratos que podem ser bem burocráticos.

Faça parte da nossa comunidade

O que não pode faltar em um coworking e centro de inovação

Recomendações de amigos são um grande atrativo para novos membros e a localização é o principal ponto levado em consideração na hora de escolher o espaço de coworking ideal, mas vários outros fatores devem ser levados em consideração.

É importante entender que, atualmente, esses espaços não são mais apenas uma mesa alugada para trabalhar por baixo custo. Eles são espaços de inovação que fomentam uma grande comunidade em torno de um propósito em comum.

Inclusive há pessoas dedicadas somente a cuidar desse tipo de espaço, que são os Community Managers, que são os responsáveis por uma comunidade. Aqui no Distrito essa galera tem a missão de cuidar de todo o relacionamento com os investidores, startups e empreendedores.

O coworking ideal cria o melhor lugar para trabalhar e desenvolver negócios por meio de colaboração e inovação.

Localização  

Embora você queira sair de casa, para a aumentar a produtividade e expandir seus negócios, provavelmente não quer passar longas horas no trânsito.

Ao encontrar um espaço de coworking com uma boa proximidade de casa, é possível equilibrar vida profissional e todas suas outras atividades.

Além disso, mantenha em mente a acessibilidade de seus clientes em potencial e parceiros. Seja chegando do aeroporto ou do outro lado da cidade, procure uma localização estratégica, de fácil acesso.

Outro fator para levar em conta é o número de sedes. Muitos coworkings oferecem mais de um escritório na mesma cidade, em cidades diferentes e outros estados. No caso de uma viagem a trabalho, ou reunião próxima à outra sede, isso pode ajudar muito.

Estrutura

Você precisa de um lugar para encontrar clientes ou parceiros? Nesse caso, o espaço de coworking deve oferecer acesso fácil (e acessível) às salas de reunião. A maioria inclui horas liberadas nessas salas nos pacotes.

E, se a maior parte de seu trabalho pode ser feita remotamente, incluindo reuniões, a conexão estável e de alta velocidade é obrigatória.

Escritórios abertos são fundamentais se você deseja um espaço para falar e aprender com as pessoas ao seu redor. É preciso remover barreiras físicas que bloqueiam a comunicação, isso ajuda a quebrar a zona de conforto individual suavemente, promovendo interações produtivas. Nada de cubículos.

Auditórios para comportar eventos, separadamente da área de trabalho, cozinha ou copa para preparar refeições e lanches na própria sede e todos os equipamentos de uso diário, como impressoras e copiadoras também não podem faltar.

Quero receber conteúdos exclusivos

Rede de contatos

Uma grande atração dos espaços de coworking é seu valor de rede de contatos. Criar conexões é uma das grandes razões pelas quais as pessoas pagam para trabalhar em um espaço assim.

Mas a qual rede de contato o espaço conecta os residentes do coworking?

Espaços de inovação focados em startups, por exemplo, são também uma plataforma de conexão entre empreendedores e investidores.

E ainda, possibilita às startups receber capacitação de mentores e grandes empresas. Coisa que, dificilmente, aconteceria na garagem de casa, não é?

Eventos

Muitos espaços de coworking organizam eventos exclusivos com frequência, incluindo palestras com empreendedores de sucesso. Esses eventos trazem pessoas e investidores muito influentes, como os presidentes.

E como a vida não é só trabalho, o happy hour também é realizado por alguns coworkings inovadores. É uma ótima oportunidade para facilitar o networking depois daquela cervejinha – para quem gosta.

Dessa forma, fique atento a esses espaços dinâmicos. Os eventos podem conectar empreendedores e startups às melhores redes de contatos e aumentar a visibilidade do negócio.

Residentes

Ao escolher um espaço de networking, vale a pena conferir a lista de residentes que ocupam o espaço. Assim, se você é um freelancer e está procurando oportunidades de networking, escolher um espaço que tenha profissionais de várias áreas de trabalho pode abrir portas para conhecer potenciais parceiros.

No caso de startups, um espaço que abrigue a diversidade de outros negócios abre a possibilidade para networking e parceria com outros empreendedores, possibilitando o desenvolvimento de novos negócios.

Há também alguns locais voltados para negócios específicos. Como, por exemplo, em São Paulo é possível encontrar o Distrito Fintech, que abre a possibilidade de discussões e iniciativas relacionadas ao mercado financeiro.

As relações a serem formadas são tão valiosas quanto as pessoas nelas. Vale cercar-se de pessoas com objetivos, indústrias ou negócios semelhantes aos seus e, ao mesmo tempo, de pessoas de diferentes culturas e países.

Gestão

Como é feita a gestão e quão acessível é a liderança na empresa? Quão profissionais eles são? Há verticalidade nas relações? Todas as pessoas, incluindo funcionários, colaboram com o mesmo propósito?

Claro, você não é empregado do espaço e ninguém por lá é seu chefe, mas você irá trabalhar lá. Você está em vantagem de poder escolher quem administra seu local de trabalho.

Por exemplo, funcionários desorganizados, gestores sem experiência podem prejudicar sua produtividade. Saiba quem está por trás das operações.

Fit Cultural

Você, provavelmente, não trabalharia em uma empresa que não tenha fit cultural, certo?

Cada espaço de coworking tem sua própria vibe e sua própria personalidade. Procure um que se adapte à seu negócio e ao seu estilo pessoal de trabalho.

Você pode priorizar um ambiente livre, relaxado, no dress code e descontraído. Esses fatores afetam positivamente a produtividade.

Antes de você considerar quais lugares fazem mais sentido para as suas necessidades, é interessante saber das diversas possibilidades que têm por aí.

O apoio para o desenvolvimento de soluções de inovação é importante para seu negócio? Essa cultura já está disseminada em algumas comunidades de coworking ao redor do mundo, ajudando startups a se desenvolverem em meio a um ambiente de diversidade, conectado e divertido.

É assim que fazemos aqui na Distrito. Com 4 unidades pelo Brasil, ajudamos as startups no aumento da visibilidade por meio de associação com grandes empresas.

Portanto, somos muito mais que um coworking, somos um grande espaço de inovação onde você encontra uma comunidade inspiradora cheia de aprendizados e oportunidades.

Além disso, o Distrito possui o que chamamos de “verticalidade” do modelo de operação de cada espaço de inovação. Ou seja, se a sua empresa for de comunicação e produtos digitais, o espaço focado em Adtechs é o mais aderente a você. Até pelo fato de todos os eventos e pessoas que circulam pelo local estarem inseridas nesse universo.

Ficou dúvida? Quer conhecer mais sobre o Distrito? Entre em contato!